F1: Red Bull deve estar ainda melhor em Ímola

Red Bull deve estar ainda melhor em Ímola

A Red Bull deve estar ainda melhor em Ímola, disputado no próximo dia 18 de abril, em Ímola.

Após ver o holandês Max Verstappen ser batido pela Mercedes do britânico Lewis Hamilton no GP do Bahrein, o time de energéticos pretende dar um ‘salto’ a fim de garantir a vitória na segunda etapa da temporada 2021 da categoria máxima do automobilismo mundial.

Apesar do revés em Sakhir, a Red Bull deve mostrar força em Ímola, conforme destacou o engenheiro-chefe da equipe, Paul Monaghan, em entrevista coletiva após a corrida do último domingo no deserto barenita.

Otimismo ou Realismo?

Abaixo, veja o que o representante da Red Bull disse em entrevista:

“Alguns desenvolvimentos já estão em andamento para Ímola, então agora é uma luta – precisamos que este carro seja colocado ‘no chão’ e corra sem que nos dê soluços, mas teremos o máximo de desempenho que pudermos em Ímola”, afirmou.

“Nosso destino está em nosso controle e não podemos influenciar o que Mercedes, McLaren, Ferrari e todos os outros querem fazer, então temos que permanecer focados”, ponderou o representante da Red Bull.

“Identificamos algumas áreas onde o carro pode ser melhorado e nos concentramos nelas, não podemos influenciar o que os outros fazem, então temos que desenvolvê-lo, temos que torná-lo ‘à prova de balas'”, seguiu.

“Temos que dar a Max (Verstappen) e Checo (Pérez) um carro o mais rápido possível em Ímola, Portugal, Espanha, Mônaco e onde quer que formos. Não se trata apenas de ir a Ímola e arriscar uma vitória… Vai ser uma longa luta por uma longa temporada que não será vencida e perdida aqui ou ali. Mas temos um carro rápido, temos uma dupla de pilotos fantástica, temos uma boa equipe e todos sabem que vai ser um desafio o tempo todo”, completou.

Assim sendo, na sua opinião você acha que realmente a Red Bull vai estará mais forte em Imola do que no Bahrein, ou é mero otimismo? Deixe seu comentário com sua opinião!

Patrocinador:

Deixe uma Resposta