GP do México permanece no calendário da F1 até 2022

Governo do país oficializou que prova no Autódromo Hermanos Rodríguez permanece na maior categoria do automobilismo mundial por mais três anos

A novela em que se transformou a permanência do GP do México no calendário da F1 teve um final feliz. Nesta quinta-feira foi anunciado, de maneira oficial, que a prova no Autódromo Hermanos Rodríguez permanecerá no calendário por mais três anos.

O acordo entre a Fórmula 1, a Corporación Interamericana de Entretenimiento (CIE), promotora do evento, e do Governo da Cidade do México foi formalmente assinado com uma coletiva de imprensa realizada no Antiguo Palacio del Ayuntamiento na cidade do México.
“Estamos satisfeitos por renovar nossa parceria com a Cidade do México, que agora abrigará a Fórmula 1 pelo menos até 2022. Desde que retornou ao calendário do campeonato em 2015, evento sempre provou ser incrivelmente popular entre o público e os fãs, não apenas no México, mas também ao redor do mundo. Prova disso é o fato de que o promotor da corrida ganhou o prêmio da FIA pelo melhor evento não menos de quatro anos seguidos e, nesses quatro anos, mais de 1.3 milhões de espectadores assistiram ao GP”, disse o CEO da F1, Chase Carey.
“A presença da Fórmula 1 na cidade por mais três anos foi alcançada por meio de um novo modelo de financiamento em que os recursos públicos não serão utilizados. Anteriormente, o Governo Federal colaborou com o pagamento do evento. O governo da Cidade do México será um intermediário, criando uma confiança que aumentará o investimento privado necessário para realizar este evento internacional. O preço dos ingressos permanecerão os mesmos dos anos anteriores”, disse Claudia Sheinbaum Pardo, prefeita da Cidade do México.
Calendário de 2020 deve ser o maior da história da F1

Com a confirmação da permanência do GP do México e a provável manutenção do GP da Espanha por pelo menos mais um ano, a categoria deverá perder uma de suas melhores provas de 2019: o GP da Alemanha.

A organização da F1 pretendia manter o número de 21 provas para 2020, mas os planos acabaram mudando e a tendência é que a próxima temporada tenha 22 corridas, uma quantia recorde na história.

Entenda na galeria de fotos abaixo como o calendário de 2020 está se desenhando

GP da Austrália

GP da Austrália

1/23

Foto de: Sam Bloxham / LAT Images

A etapa de Melbourne seguirá abrindo a temporada da F1. A prova de 2020 já tem data confirmada: 15 de março.

GP do Bahrein

GP do Bahrein

2/23

Foto de: Mark Sutton / Sutton Images

Segunda etapa da temporada 2019, a prova de Sakhir foi marcada por grande decepção para Charles Leclerc e está confirmada para 2020.

GP da China

GP da China

3/23

Foto de: Zak Mauger / LAT Images

A etapa de Xangai de 2019 marcou a milésima corrida da história da F1 e segue no calendário em 2020.

GP do Azerbaijão

GP do Azerbaijão

4/23

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

A movimentada etapa de Baku se mantém no calendário do ano que vem.

GP do Vietnã

GP do Vietnã

5/23

Foto de: FOM

O GP do Vietnã (layout na foto) está confirmado em 2020 e deve ocorrer em abril, pouco antes da habitual data da corrida espanhola.

GP da Espanha

GP da Espanha

6/23

Foto de: Mark Sutton / Sutton Images

Depois de governo voltar atrás e decidir apoiar financeiramente a etapa, GP deve ficar no calendário.

GP da Holanda

GP da Holanda

7/23

Foto de: Chris Schotanus

Confirmado em 2020, o GP da Holanda será disputado em Zandvoort (foto) e deve ser realizado em maio.

GP de Mônaco

GP de Mônaco

8/23

Foto de: Joe Portlock / LAT Images

Tradicionalíssima prova de Monte Carlo segue na Fórmula 1.

GP do Canadá

GP do Canadá

9/23

Foto de: Glenn Dunbar / LAT Images

Palco de polêmica entre Sebastian Vettel e Lewis Hamilton neste ano, a etapa de Montreal segue no calendário para 2020.

GP da França

GP da França

10/23

Foto de: Mark Sutton / Sutton Images

Alvo de duras críticas por conta de sua monotonia, a corrida de Paul Ricard também acontecerá no ano que vem.

GP da Áustria

GP da Áustria

11/23

Foto de: Jerry Andre / Sutton Images

Responsável por reanimar os fãs da F1 com a espetacular vitória de Max Verstappen, a prova de Spielberg se mantém firme e forte para 2020.

GP da Grã-Bretanha

GP da Grã-Bretanha

12/23

Foto de: Mark Sutton / Sutton Images

Recém-confirmada na F1 até 2024, a etapa de Silverstone é o berço da categoria, já que foi sede da primeira corrida da história do campeonato, em 1950.

A definir (GP da Alemanha)

A definir (GP da Alemanha)

13/23

Foto de: Sam Bloxham / LAT Images

A etapa de Hockenheim segue sem contrato para 2020 e deve ficar de fora da próxima temporada.

GP da Hungria

GP da Hungria

14/23

Foto de: Jerry Andre / Sutton Images

A tradicional prova de Hungaroring segue no calendário para 2020.

GP da Bélgica

GP da Bélgica

15/23

Foto de: Zak Mauger / LAT Images

A etapa de Spa-Francorchamps, famosa pela curva Eau Rouge (foto) é uma das favoritas de pilotos e fãs e se mantém na F1.

GP da Itália

GP da Itália

16/23

Foto de: Alessio Morgese / Luca Rossini

Outra corrida tradicional que segue no calendário é o GP da Itália, disputado em Monza. O circuito renovou com a F1 neste ano e segue pelo menos até 2024, como Silverstone.

GP de Cingapura

GP de Cingapura

17/23

Foto de: Lionel Ng / Sutton Images

Palco de polêmicas, a exótica etapa de Marina Bay segue no calendário para 2020.

GP da Rússia

GP da Rússia

18/23

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

Outra pista marcada por polêmica que segue na F1 é a de Sochi, que teve ordem de equipe da Mercedes em favor de Hamilton em 2018.

GP do Japão

GP do Japão

19/23

Foto de: Manuel Goria / Sutton Images

Outro histórico circuito que se mantém na categoria é o de Suzuka, palco de grandes decisões no fim dos anos 1980.

GP do México

GP do México

20/23

Foto de: Pirelli

A etapa de Hermanos Rodríguez teve problemas de financiamento, já que não terá mais apoio do governo. Assim, a negociação se arrastou, mas deu certo no fim.

GP dos Estados Unidos

GP dos Estados Unidos

21/23

Foto de: Bill Gulker

A etapa do Circuito das Américas segue no calendário da F1 em 2020.

GP do Brasil

GP do Brasil

22/23

Foto de: Mark Sutton / Sutton Images

Até 2020, a corrida fica em Interlagos, famoso pelo S do Senna (foto). Depois, não se sabe: o Rio de Janeiro anunciou a construção de um autódromo e entrou na disputa com São Paulo pelo futuro da etapa brasileira da F1.

GP de Abu Dhabi

GP de Abu Dhabi

23/23

Foto de: James Gasperotti / Sutton Images

A luxuosa prova que vai noite adentro vem fechando o calendário nos últimos anos e está confirmada para 2020.

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta