Hamilton elogia Leclerc e espera que ele cresça ainda mais como piloto

Inglês elogiou capacidade do monegasco de “superar” continuamente Sebastian Vettel na Ferrari nesta temporada

Charles Leclerc conseguiu segurar a pressão de Lewis Hamilton nas voltas finais do GP da Bélgica para finalmente conquistar sua primeira vitória na F1, 11 corridas depois que um problema de motor da Ferrari o impediu de vencer em sua segunda participação pela equipe.

O piloto de 21 anos ingressou na Ferrari nesta temporada apenas em seu segundo ano de F1, mas imediatamente começou a incomodar o companheiro de equipe Sebastian Vettel.

Questionado pelo Motorsport.com sobre o quão bem acha que Leclerc fez para se adaptar à Ferrari e correr na frente na F1, Hamilton disse: “Acho que os resultados dele falam por si.”

“Não é fácil um piloto entrar em um time de ponta, contra um tetracampeão mundial e mais experiente.”

“E então, continuamente, desde a primeira corrida, superar ser melhor em treinos e corridas um tetracampeão mundial. Não é fácil.”

“Isso fala por si. Ele tem tido muito azar em algumas corridas este ano, poderia facilmente ter sido a terceira vitória dele neste domingo.”

“Então, há muito mais por vir dele, e estou ansioso para ver seu crescimento e correr ao seu lado.”

Leclerc começou a temporada reconhecendo que Vettel era o piloto número um da Ferrari e disse que seu trabalho era mudar esta ideia.

Após 13 corridas, ele está atrás do alemão por apenas 12 pontos, e eles têm seis pódios cada um.

Hamilton disse que achou “divertido tentar perseguir” Leclerc durante o GP da Bélgica, apesar de “ele estar um pouco rápido demais”.

Após o primeiro vislumbre de uma batalha com Hamilton, Leclerc admitiu que estava preocupado em ser caçado por um piloto que se estabeleceu como o mais bem sucedido de sua geração e um dos melhores da história da F1.

Perguntado pelo Motorsport.com se ele estava mais nervoso na parte final por causa da perda da vitória na Áustria, Leclerc disse: “eu não estava mais nervoso, comecei a me acostumar com essa situação em que sou o primeiro e sou perseguido por alguém que está mais rápido.”

“Obviamente, eu sabia que era Lewis e sabia que não podia cometer erros, porque ele aproveitaria a oportunidade. Mas, além da última volta, ele nunca esteve perto o suficiente para tentar algo”.

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta