Hamilton: “Vettel é um grande piloto e tetracampeão, vai se recuperar”

Lewis Hamilton acredita que Sebastian Vettel vai “se redimir” após o acidente com Max Verstappen na Grã-Bretanha

Apesar de algumas controvérsias no passado (especialmente na corrida de Baku de 2017, quando se tocaram), Lewis Hamilton e Sebastian Vettel têm mostrado um altíssimo nível de respeito mútuo nos últimos tempos.

Eles têm brigado pelos títulos da Fórmula 1 nos anos recentes, mas se elogiam e defendem um ao outro em público várias vezes. Agora, Hamilton volta a mostrar suporte a Vettel, depois de o alemão ter batido em Max Verstappen no GP da Grã-Bretanha, no qual cometeu mais um erro de uma sequência que vem desde o ano passado.

Na etapa de Silverstone, Vettel errou e encheu a traseira da Red Bull de Verstappen. O piloto da Ferrari levou a pior e caiu para o fim do grid, terminando em penúltimo, com direito a punição de 10 segundos no tempo de prova pelo incidente com o rival holandês.

Piloto da casa na Inglaterra, Hamilton comentou a situação do rival ferrarista. “Adorei competir contra a Ferrari no ano passado e queria estar lutando com a Ferrari agora. Eu prefiro competir contra um Red Bull e uma Ferrari, mas não tem sido assim”, comentou o britânico da Mercedes, que domina o campeonato deste ano.

Hamilton, porém, segue acreditando no potencial de Vettel: “Eu acho que ele vai se recuperar. Na Inglaterra, ele teve uma corrida difícil, mas é tetracampeão mundial. Ele vai se recuperar e se redimir. Voltará forte na próxima corrida. Isso é o que grandes esportistas como ele fazem”.

A próxima etapa da temporada 2019 da Fórmula 1 acontece neste fim de semana, justamente no país de Vettel. O circuito de Hockenheim recebe o GP da Alemanha, no qual o piloto da Ferrari iniciou sua atual má fase na corrida ano passado. (Relembre este e outros erros do alemão na galeria de fotos abaixo).

GP do Azerbaijão, 2017

GP do Azerbaijão, 2017

1/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Em segundo logo atrás de Lewis Hamilton, Sebastian Vettel acabou acertando o britânico antes de uma relargada. Acreditando que Hamilton freou propositalmente, ele jogou seu carro na Mercedes. O alemão tomou um stop and go de 10 segundos e chegou apenas em quarto.

GP do México, 2017

GP do México, 2017

2/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Perdendo o primeiro lugar na saída, Vettel bateu em Hamilton após ser superado pelo britânico e por Max Verstappen. Ele quebrou sua asa dianteira e furou o pneu de Hamilton – o que não impediu o tetracampeonato de Lewis naquele dia.

GP do Azerbaijão, 2018

GP do Azerbaijão, 2018

3/11

Foto de: Sutton Motorsport Images

Depois de fazer a pole e liderar a maior parte da prova, Vettel perdeu a liderança devido a um pit stop em um Safety Car. Na relargada, ele arriscou passar o então líder, Valtteri Bottas, logo na primeira curva. Ele travou seus pneus e passou reto. Perdendo rendimento, Seb ainda foi ultrapassado por Hamilton, Raikkonen e Perez, terminando em quarto após o abandono de Bottas pelo estouro de um de seus pneus.

GP da França, 2018

GP da França, 2018

4/11

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

Tentando superar Bottas na largada, o alemão encheu a traseira do finlandês na primeira curva, destruiu sua asa dianteira e teve que ir aos pits. Saindo em terceiro, ele chegou em quarto no dia de mais uma vitória de Hamilton.

GP da Alemanha, 2018

GP da Alemanha, 2018

5/11

Foto de: Steve Etherington / LAT Images

Com uma boa vantagem à frente, Vettel foi vítima de uma garoa que caia no circuito de Hockenheim, acabou errando e batendo. Com o Safety Car entrando na pista, Hamilton – que largara de 14º após um problema mecânico na classificação – viu Bottas e Kimi indo para os pits e ficou na pista. Ele assumiu a liderança e ganhou a prova.

GP da Itália, 2018

GP da Itália, 2018

6/11

Foto de: Manuel Goria / Sutton Images

Após atacar Raikkonen sem sucesso na primeira chicane da corrida, Vettel foi acossado por Hamilton chegando para a segunda chicane. Por dentro, ele arriscou frear tarde para se defender, bateu no carro de Lewis e acabou rodando. O piloto, que tinha provavelmente o melhor conjunto para a pista de Monza, chegou apenas em quarto na vitória de Hamilton.

GP do Japão, 2018

GP do Japão, 2018

7/11

Foto de: Andy Hone / LAT Images

Saindo de nono após um erro da Ferrari na classificação, Vettel arriscou uma ultrapassagem em Verstappen no início da corrida na curva Spoon, tocou com o holandês e rodou. Ele só pôde ser o sexto em mais uma vitória de Hamilton.

GP dos EUA, 2018

GP dos EUA, 2018

8/11

Foto de: Jerry Andre / Sutton Images

Saindo de quinto, o alemão foi para cima de Daniel Ricciardo na primeira volta, arriscou em uma freada e novamente rodou. Depois de cair diversas posições, ele subiu para quarto evitando o título de Hamilton, que chegou em terceiro. Lewis foi o campeão da prova seguinte.

GP do Bahrein, 2019

GP do Bahrein, 2019

9/11

Foto de: Simon Galloway / Sutton Images

Depois de superar o parceiro Leclerc na largada pela liderança, ele viu o monegasco dando o troco após algumas voltas. Em seguida, Sebastian começou seu duelo com Hamilton. Ele foi atacado pelo britânico depois de sua segunda parada. E tentando se manter à frente de Lewis, ele errou e acabou rodando. Ovalizando seus pneus, ele acabou perdendo a asa dianteira após voltar à pista. Vettel terminou em quinto.

GP do Canadá, 2019

GP do Canadá, 2019

10/11

Foto de: Andy Hone / LAT Images

Neste caso, Vettel não pagou mico, mas se prejudicou. Em batalha com Hamilton pela vitória, o alemão escapou na chicane de Montreal e acabou fechando o rival quando retornou à pista. Vettel venceu, mas tomou controversa punição de 5s no tempo de prova e caiu para segundo.

GP da Grã-Bretanha, 2019

GP da Grã-Bretanha, 2019

11/11

Foto de: Hasan Bratic / Sutton Images

O circuito de Silverstone foi palco para o último erro crasso de Vettel na F1. Em briga com Verstappen, Vettel encheu a traseira da Red Bull e acabou caindo para o fim do grid. O alemão terminou a prova da Inglaterra em penúltimo.

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta