Kubica assina como terceiro piloto da Alfa Romeo e time muda de nome; entenda

Polonês será piloto reserva e de desenvolvimento da equipe ítalo-suíça para a próxima temporada da F1

Robert Kubica assinou um contrato para atuar como reserva e no desenvolvimento da Alfa Romeo na temporada 2020 da Fórmula 1. Além do piloto, a equipe assinou com a petrolífera polonesa PKN Orlem, que patrocina a carreira de Kubica. O contrato com a empresa será de múltiplos anos e fará com que a equipe mude seu nome para Alfa Romeo Racing Orlem.

O piloto de 35 anos teve uma passagem difícil pela Williams em 2019, depois de ficar oito anos fora das pistas por conta de um acidente que destruiu um de seus braços durante uma competição de rali. Kimi Raikkonen e Antonio Giovinazzi seguem como titulares do time, enquanto Kubica atuará no simulador e ficará de prontidão para uma eventual substituição.

“Estou realmente feliz em começar este novo capítulo da minha carreira com a Alfa Romeo Racing Orlem”, disse Kubica. “Esta equipe tem um lugar especial no meu coração e estou satisfeito de encontrar alguns rostos conhecidos dos meus anos aqui em Hinwil”.

O polonês pilotou para a equipe fundada por Peter Sauber entre 2007 e 2009, quando o time competia com as cores da fabricante alemã BMW. Com o time, Kubica venceu o GP do Canadá de 2008.

“Nós também estamos alegres em receber Robert de volta à nossa casa e não vemos a hora de começarmos a trabalhar com ele”, disse o chefe da equipe, Frederic Vasseur.

“Ele é um piloto que dispensa apresentações: um dos mais brilhantes de sua geração e um indivíduo que mostrou o verdadeiro significado da determinação humana em sua luta para voltar a correr depois de seu acidente. Sua ajuda terá fundamental para continuarmos avançando”.

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta