Honda estende contrato com Red Bull e Toro Rosso para 2021

Montadora japonesa aumentou em um ano o vínculo com as duas equipes do grupo austríaco de energéticos

A Honda acaba de se comprometer a permanecer na Fórmula 1 até pelo menos a temporada de 2021, depois de estender seus contratos com as equipes Red Bull e Toro Rosso por mais um campeonato.

Conforme relatado, a Honda deve cortar seus gastos para garantir o futuro a longo prazo de seu programa de F1. A montadora aguardava a publicação dos novos regulamentos da F1 para 2021 antes de avançar com uma decisão.

O compromisso de longo prazo da Honda com a F1 ainda não foi esclarecido, mas a fabricante confirmou que continuará em parceria com a Red Bull e a equipe júnior da empresa de bebidas energéticas em 2021. Consultor da Red Bull, Helmut Marko, disse que isso é “um grande alívio”.

A Honda uniu forças com a Toro Rosso em 2018, depois de três temporadas ruins com a McLaren que foram atormentadas por desempenho e confiabilidade ruins. No entanto, a montadora reconstruiu sua reputação com a STR e, ao fazê-lo, convenceu a Red Bull a ter os motores japoneses de 2019 em diante.

A parceria com a Red Bull, que antes tinha unidades motrizes da Renault, tornou a Honda novamente vencedora quando Max Verstappen terminou uma seca de vitória de 13 anos da montadora no GP da Áustria.

Desde então, Verstappen conquistou mais duas vitórias e a Honda comemorou recentemente sua primeira dobradinha em 28 anos no GP do Brasil, em que Verstappen venceu e Pierre Gasly terminou em segundo com a Toro Rosso.

“É positivo ter bons resultados”, disse Masashi Yamamoto, diretor da Honda. “Mas o mais importante é um equilíbrio com o custo. Temos que colocar muito dinheiro para acelerar nosso desenvolvimento. E agora estamos planejando como reduzir o custo”.

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta