Leclerc diz que riu de vídeo de embate com Verstappen após prova de kart em 2012

Monegasco diz que achou “engraçado” que, após polêmica perda do GP da Áustria contra Max Verstappen, um vídeo tenha documentado o desentendimento entre os dois na época de kart

Charles Leclerc perdeu sua primeira vitória na F1 após grande embate com Max Verstappen na Áustria, em um manobra que provocou uma longa revisão dos comissários após a corrida.

Posteriormente, um vídeo circulou nas redes sociais mostrando comentários dos dois envolvidos, mas em posições diferentes. O embate anterior aconteceu em 2012, durante o Campeonato Europeu de kart.

Perguntado pelo Motorsport.com se ele tinha visto o vídeo e achou engraçado apesar das circunstâncias, Leclerc respondeu dando risada: “Sim, é muito engraçado, eu vi isso em todos os lugares nas redes sociais.”

“Acho que foi completamente o contrário quando eu estava dizendo que era um incidente e ele estava dizendo que eu o empurrei para fora da pista.”

“Agora, sete anos depois, é o contrário, na Fórmula 1, nós dois pilotando por duas equipes de ponta.”

“Acho que isso me lembra, pelo menos, a estrada que fizemos juntos desde aqueles tempos, éramos crianças, sonhando em um dia estar na Fórmula 1, e agora estamos lutando aqui. Isso é ótimo de se ver.”

A rivalidade de Leclerc e Verstappen nos karts incluiu alguns “momentos complicados”, de acordo com o piloto da Ferrari, que acredita que a história é “boa para o show” na F1.

Ele disse que seu relacionamento com Verstappen ficou “muito melhor” ao longo dos anos, admitindo que “não éramos os melhores amigos” quando eles começaram a competir.

“Quando você é jovem, sempre que acontece algo, imediatamente ele se tornará meu inimigo”, disse Leclerc. “Éramos muito jovens, provavelmente foi em 2012 e 2013.”

“Ainda somos muito jovens, mas amadurecemos bastante”.

Leclerc mais agressivo

Leclerc diz que está feliz em correr agressivamente, como Verstappen foi na Áustria, se seu incidente é visto como aceitável.

A Ferrari sentiu que a decisão de não punir Verstappen estava errada no contexto de incidentes semelhantes, resultando em uma penalidade, mas Leclerc disse que não tinha “nenhum problema” e “foi muito fácil para mim seguir em frente”.

“A única coisa é que eu gostaria é um pouco mais de consistência”, disse ele. “Houve alguns outros incidentes no passado que foram menores e que foram passíveis de penalização.”

“Se pudermos correr desse jeito, então estou mais do que feliz.”

“Acho que é bom para a Fórmula 1, acho que isso é o que os pilotos querem, mas só precisamos saber o que podemos esperar dos outros.”

Fonte Motorsport

Patrocinador:

Deixe uma Resposta